Cachorro Pode Comer Pinhão? Descubra os Benefícios!

Cachorro Pode Comer Pinhão

O Pinhão é uma semente da árvore Araucária, e se você tem dúvida se seu cachorro pode comer pinhão, a resposta é sim, principalmente por ser rico em fibras, além de minerais, fósforo, potássio, cálcio, magnésio e proteínas, porém, pode ser oferecido desde que seja oferecido em baixas quantidades.

Embora não seja uma fruta comum em todas as regiões do país, não é difícil de encontrar, especialmente na época de festas juninas, e você pode oferecer o pinhão para seu cachorro em forma de petisco.

Apenas é preciso tomar alguns cuidados quanto ao preparo e cozinhá-lo apenas em água, sem adição de sal ou outro tempero.

Ainda está com receio de oferecer pinhão para o seu pet? Tire todas as suas dúvidas aqui!

Pinhão Para Cachorro

Sim, o cachorro pode comer pinhão, sendo uma boa fonte de fibras, proteínas e minerais, como fósforo, potássio, cálcio e magnésio.

Pode ser oferecido como um petisco, no entanto, com moderação, para evitar qualquer desconforto gastrointestinal.

Além disso, como cada 100 g de pinhão fornece 174 calorias e 13 g de carboidrato, deve ser evitado em cães com problemas de sobrepeso.

É importante que os tutores procurem o Médico Veterinário antes de dar pinhão aos seus cães, especialmente se apresentar obesidade ou diabetes.

Pinhão Faz Bem aos Cães?

Se você não conhece o pinhão, ele é uma semente da árvore Araucária e a parte comestível da pinha.

Possui nutrientes importantes como fibras, amido, proteínas, vitaminas e minerais, além de ter baixo teor de gordura e sódio.

E exatamente por isso que o pinhão faz bem para os cães, e seus principais benefícios são:

Agora que você sabe que o cachorro pode comer pinhão, apenas tome cuidado durante o preparo.

Quando Não Dar Pinhão Para o Cachorro?

Pinhão Para Cachorro

Embora o pinhão seja benéfico para a saúde canina, existem algumas contraindicações:

1.Obesidade;

2.Diabetes;

3.Doença renal crônica.

Por ser calórico, doses elevadas de pinhão podem provocar o aumento de peso, e cães com doença renal crônica e níveis altos de potássio no sangue, devem evitar comer.

Por isso que é essencial pedir sempre orientação do veterinário antes de introduzir qualquer novo alimento na dieta do seu cão, mesmo sendo considerado saudável para os humanos.

Composição Nutricional do Pinhão

Vale a pena ter uma ideia da composição nutricional.

Confira, a seguir, as informações nutricionais para cada 100g de pinhão cozido:

1.Valor calórico total – 160,58 kcal

2.Carboidratos – 33,24

3.Lipídios – 1,46

4.Fibras – 5,53

5.Proteínas – 3,62

6.Minerais – 0,94

Com base nessa tabela, é possível observar que o pinhão é rico em calorias, podendo atuar cães em fase de crescimento.

Como Dar Pinhão Para o Cão?

A melhor maneira de dar pinhão para o seu cachorro é cozido ou assado, sem a casca e sem adicionar sal.

Uma dica é cozinhar de 30 a 40 minutos em uma panela de pressão com um pouco de água e depois de esfriar, retirar a casca.

O ideal é cortar o pinhão em rodelas bem finas, principalmente para os filhotes.

Nunca ofereça a semente de pinhão crua, pois é tóxica ao organismo do cachorro.

Qual é a Quantidade Certa de Pinhão?

Você está em dúvida de qual quantidade de pinhão deve dar para o seu amigo de quatro patas?

Então, você pode dar como petisco e não como substituto da refeição, seja ela ração ou dieta de alimentação natural.

Por falar em Ração, deixo a seguir uma leitura de suma importância: Melhor Ração para Cachorro.

Por exemplo, um cachorro com peso de até 10 kg, a dose indicada é de um a dois pinhões, porém, divididos em pequenos pedaços.

Tome muito cuidado para não dar em excesso, caso contrário pode interferir na flora intestinal, podendo causar diarreia ou mesmo dificuldades para evacuar.

Para aprender tudo sobre a Alimentação do seu Cachorro, veja: Alimentação Canina.