Cachorro Com Dor De Barriga

Por Robson Difaro •  Postado em: 22/04/22 •  7 min de leitura

Cachorro com dor de barriga é um dos motivos frequentes de consultas em veterinários, e diversas causas podem explicar essas dores abdominais.

Embora algumas sejam benignas, outras, no entanto, são mais graves.

Na verdade, a dor de barriga não é uma doença propriamente dita, é um sintoma de que algo não vai bem.

Para tirar todas as suas dúvidas sobre dor de barriga em cachorro, desde saber quais os sinais até o que fazer, continue a leitura que vamos explicar tudo em detalhes.

Cachorro Com Dor De Barriga

Cão Com Dor De Barriga: O Que Fazer?

Os cachorros, assim como outros animais, têm uma tendência a mascarar seus sintomas.

Assim, não é muito evidente saber quando o seu companheiro de quatro patas tem dor de barriga.

Alguns sinais podem indicar, então para saber se seu cão com dor de barriga: o que fazer?

Veja abaixo os sintomas:

Do ponto de vista urinário, toda alteração deve ser levada em conta: cor, quantidade, assim como a frequência.

Enfim, o cachorro também pode perder o apetite ou ficar mais apático, e alguns podem ficar se virando e revirando até encontrar uma posição confortável.

No entanto, esses sinais podem não ser dor de barriga em cachorro, mas se você notar alguns dos sintomas listados acima, você pode apalpar levemente a sua barriga.

Se ele reagir, é bem provável que sua suspeita tenha fundamento.

Saiba mais: Como Alimentar Cachorro Com Doença Do Carrapato.

Por que o cachorro tem dor de barriga?

Os motivos que deixam Cachorro Com Dor de Barriga são variadas e seria quase impossível listar todas aqui.

Por isso, falaremos aqui apenas das causas mais frequentes, e para simplificar, saiba que as dores no abdômen podem ter duas origens: o aparelho digestivo e órgãos próximos e o aparelho urogenital.

As dores digestivas estão ligadas a uma série de problemas:

Entre as doenças parasitárias, as mais comuns entre os cachorros são: giardíase, ascaridíase, toxocaríase e dipilidiose.

Já quanto às doenças virais, a coronavirose e parvovirose podem ser a origem de cachorro com dor de barriga.

No caso das dores ligadas ao aparelho urogenital são menos frequentes:

Dor De Barriga Em Cachorro

Cachorro com dor de barriga o que fazer?

Agora que você já viu os sintomas e as causas de cão com dor de barriga, o que fazer?

Antes de mais nada, é necessário distinguir o que é urgente e o que não é.

Dessa forma, preste atenção ao contexto do surgimento das dores.

Se a evolução for rápida, é preciso levar a sério.

Se você notar algumas das situações acima, é crucial consultar um veterinário o quanto antes.

Por outro lado, se os sintomas forem leves, não precisa se desesperar.

Talvez seu cachorro tenha comido alguma coisa que não fez bem.

Por isso, evite dar alimentos aos quais ele não está acostumado, ou se fizer uma transição de alimentação, faça gradualmente.

Você também pode se interessar por: Meu Cachorro Se Coça Muito Mas Não Tem Pulga.

 Dor de barriga em cachorro como diagnosticar?

Ao apalpar a barriga, o cachorro pode expressar sua dor e reclamar, porém, não é a dor em si que é difícil de diagnosticar, mas a causa subjacente a essa dor.

Como já foi dito, a dor de barriga não é uma doença, mas a manifestação secundária de uma doença.

Para o diagnóstico mais preciso de cachorro com dor de barriga, o veterinário pode solicitar exames de imagem, como radiografia ou ecografia abdominal.

Esses exames que permitem visualizar diretamente os órgãos localizados no abdômen, e assim, compreender melhor o que está acontecendo.

Se o veterinário suspeitar de uma obstrução intestinal, é bem provável que peça um exame com o uso de contraste e realizar diferentes radiografias.

Isso se dá, para observar a progressão do produto no tubo digestivo.

Vale ressaltar que exames de sangue complementares podem ajudar a diagnosticar uma pancreatite, um problema hepático ou renal.

Cachorro Em Tratamento Para Dor De Barriga

Meu cachorro tem dor de barriga como saber se é urgente?

Além de gastroenterites e cistites, algumas dores de barriga podem ser casos de urgência, onde o estado geral do animal é bem preocupante.

Em geral, ele está muito abatido e pode mesmo ficar deitado de lado o tempo todo, e pode gemer quando se apalpa o abdômen.

É importante saber reconhecer certos sinais que indicam uma urgência:

Meu cachorro tem a barriga dura

Um cachorro deitado de lado com a barriga dura e que geme quando você toca, certamente é uma dor de barriga forte.

As causas são múltiplas, entre as quais podemos citar:

Cão Com Dor De Barriga

Minha cadela tem sangramento

As infecções uterinas são frequentes em fêmeas não castradas, e são responsáveis pela dor de barriga.

 Meu cachorro tem a barriga inchada

Se o abdômen do seu cão incha rapidamente, pode ser uma dilatação-torsão do estômago, especialmente se é um cachorro de grande porte.

Essa doença resulta do acúmulo de gases no estômago, daí o inchaço.

Nesse caso, o animal deve ser operado imediatamente.

Não é muito fácil saber se o seu cachorro está com dor de barriga, embora alguns sinais possam te orientar, o mais recomendado é consultar o veterinário.

Entenda mais sobre a Doença do Carrapato.

Qual o tratamento para cachorro com dor de barriga?

O tratamento vai variar de acordo com a causa da dor de barriga.

No caso do animal apresentar desidratação, provavelmente o veterinário pode indicar a fluidoterapia, que consiste no soro na veia ou subcutâneo.

Além disso, podem ser prescritos antibióticos, antiprotozoários, antitérmicos ou antiparasitários, mas somente o veterinário é capaz de definir qual o tratamento mais adequado.

Cachorro Com Barriga Doendo

Como prevenir dor de barriga em cachorro?

Em alguns casos, não tem como evitar que seu cachorro apresente uma dor de barriga, principalmente porque pode comer algo sem você saber.

Entenda os riscos do sobrepeso em: Cachorro Obeso.

No entanto, você pode tomar algumas medidas para, pelo menos, tentar diminuir o risco:

Lembre-se que, assim que perceber qualquer mudança no seu cachorro, é importante consultar o veterinário para descartar algo mais grave.

Para saber tudo sobre a saúde do seu cãozinho acesse: Saúde Canina.

Robson Difaro

Criador Profissional de Cães da Raça Bull Terrier com mais de 10 anos de experiência. Presidente do Kennel Clube de Goiás e Vice Coordenador do Conselho Brasileiro da Raça Bull Terrier. Seu objetivo na raça é a busca de cães típicos, com todas as características inerentes a um verdadeiro Bull Terrier, como temperamento, tipicidade, função e genética, sempre respeitando seus pilares da Criação Ética e com Respeito e amor aos cães.